06/03/2018

Licitação para compra de mudas vai marcar retomada do plantio da erva mate em MS

Projeto prevê plantio das mudas em mais de 200 hectares na fronteira Projeto prevê plantio das mudas em mais de 200 hectares na fronteira Foto: Divulgação

A Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) vai lançar nos próximos dias licitação para comprar mudas de erva mate a dez municípios na fronteira com o Paraguai. O processo marca a retomada do plantio do produto, projeto proposto pelo senador Waldemir Moka (MDB) em 2011.

Reunião na última sexta-feira (2), em Amambai, entre o assessor parlamentar do senador Moka, o economista Nelson Vieira Fraga, com técnicos da Sudeco, da Agraer, do Ministério da Agricultura no Estado, dos municípios e produtores locais definiu o calendário para o início do projeto.

Moka explica que o objetivo da proposta é fazer com que produtores da região tenham renda extra com o cultivo da folha. O ganho por hectare plantada pode chegar a R$ 10 mil.

O Programa de Fortalecimento da Cadeia Produtiva da Erva Mate na Sul Fronteira vai atender, inicialmente, a 210 produtores em dez municípios fronteiriços. A parceria envolve a Sudeco e a Agraer.  

“A expectativa é a de que, com a união de todos os envolvidos, Mato Grosso do Sul volte a ser autossuficiente e passe da condição de importador do produto para exportador”, explica Vieira Fraga, assessor de Moka.

O senador Moka diz que o projeto tem papel social importantíssimo por resgatar a cultura regional, além de criar uma alternativa de renda para retirar os jovens do tráfico. “Em se tratando do meio ambiente, por ser uma árvore, passa a ser excelente instrumento de recomposição da área de Reserva Legal”, afirma.