14/12/2018

Estado terá R$ 383 milhões do Orçamento da União para investimento em 2019

Antigo prédio da rodoviária da capital vai receber recursos para revitalização Antigo prédio da rodoviária da capital vai receber recursos para revitalização Foto: Câmara de Vereadores de Campo Grande

Mato Grosso do Sul terá R$ 383 milhões do Orçamento da União para investir em obras e projetos em 2019. Os recursos para o Estado foram aprovados na noite de quinta-feira (13), no parecer do senador Waldemir Moka (MDB), relator-geral do Orçamento da União, aprovado por unanimidade na Comissão Mista de Orçamento do Congresso.

Senadores e deputados sul-mato-grossenses priorizaram investimentos em saúde, educação e segurança, as chamadas emendas impositivas, cujos valores devem ser executados integralmente. Além de relator-geral do Orçamento, o senador Moka é o coordenador da bancada federal.

Para o senador, o entrosamento dos parlamentares do Estado permitiu a elaboração de propostas viáveis e de interesse da população. Moka cita a reserva de R$ 100 milhões para aplicação na área de saúde, ou 26% do montante aprovado para Mato Grosso do Sul.

O mesmo valor, R$ 100 milhões, foi destinado à infraestrutura nos municípios. Desse total, R$ 30 milhões foram destinados para construção do aeroporto de Dourados. Outros R$ 17 milhões serão investidos na revitalização do antigo terminal rodoviário urbano, Heitor Eduardo Laburu, em Campo Grande.

O setor agropecuário, de acordo com o coordenador da bancada, receberá R$ 28,2 milhões para aquisição de equipamentos a agricultores familiares, enquanto as obras em rodovias federais que cruzam o Estado terão R$ 68 milhões e R$ 28,2 milhões para as forças de segurança pública estaduais.